Como abrir um Restaurante a quilo (self-service)

Willian GalvaoGestão, Sistema para restauranteLeave a Comment

como abrir um restaurante a quilo

Abrir um restaurante por quilo (self-service)  precisa de muita pesquisa, conhecimento e vontade, sem dúvidas, um restaurante a quilo (self-service) é um ótimo segmento no ramo gastronômico.

Para isso, nós do SISCHEF, criamos algumas dicas para você não se perder nesse processo de empreender.

1 – Por que Restaurante a quilo

Dois fatores favorecem o self-service. Hoje em dia, muitas pessoas já não possuem mais tempo de almoçar em casa, por conta disso, acabam procurando restaurantes que possuem uma comida pronta na hora, caseira e barata.

Outro fator, é a necessidade de poucos funcionários, por exemplo: vai precisar basicamente de duas pessoas na cozinha, um atendente, um faxineiro, um gerente e garçom.

2 – Perfil do cliente

Os clientes de restaurante a quilo geralmente são jovens e adultos, que por conta de faculdade, curso, estágio ou trabalho, não possuem tempo para fazer comida em casa, e em busca de comodidade e praticidade, buscam restaurantes self-services.

Então, procure deixar o estabelecimento mais aconchegante possível, essas pessoas estão em constante pressa, a hora de comer, deve ser calma e mais agradável possível.

3 – Culinária

A culinária pode variar, você pode seguir os ensinamentos da tradição de sua família, como também pode escolher outros estilos: alemã, chinesa, árabe, japonesa, italiana, portuguesa, dentre outras.

O importante é que seja de qualidade, e que sua gestão seja eficiente.

4 – Distribuição do restaurante a quilo

O local do restaurante a quilo necessita de um salão para servir e comer as refeições, uma cozinha e banheiros.

Sua distribuição, pode ser feita dentro de outras empresas e também, uma ótima forma de obter mais clientes, é a venda de marmitas.

5 – Investimento

Analise seu bolso, e entre em contato com um consultor.

O segmento de restaurante a quilo, depende basicamente do ponto comercial escolhido e seus equipamentos. O gasto gira em média de R$ 120.000,00 mas, isso depende de vários fatores particulares do empresário.

6 – Equipamentos

Usamos o site do Buscapé para fazer a comparação de preços e selecionar o melhor, para você ter em mente e colocar na calculadora quanto irá gastar.

Lembrando, é um preço médio, e genérico, dependendo da marca ou quantia, dentre outros fatores, podem tanto aumentar como diminuir.

  • Balanças eletrônicas – Toledo Prix III com cabo serial – R$ 700 a R$ 900.
  • Caixas registradoras – Gaveta de Dinheiro Automática GD-56 – Bematech – R$ 236,80.
  • Computador – Dell Inspiron Small Desktop – R$ 1.415,00.
  • Forno elétrico industrial – R$ 1.236,18.
  • Forno a lenha – R$ 1.201,90.
  • Fogão industrial – R$ 404,54.
  • Freezer – Expositor/Freezer Vertical Gelopar 228L – Frost Free GPTU-230PR 1 Porta – R$ 3.009,00.
  • Geladeira – Geladeira / Refrigerador Expositor Vertical Porta de Vidro 210 Lts (Visa Cooler)  LG-210 – R$ 1.669,00.
  • Liquidificadores industriais – R$ 323,10.
  • Mesas e Cadeiras – R$ 337,15 cada.
  • Processadores de alimentos – R$ 170,05.
  • Sistema exaustor – R$ 167,90.
  • Software para Gestão – R$ 200,00 a R$ 350,00.
  • Veículo para entrega (caso venda marmitex) – R$ 3.000,00 a R$ 15.000,00.
  • Telefone -Telefone Sem Fio Motorola MOTO500-ID2 + 1 Ramal – Identificador de Chamada Preto- R$ 130,00.
  • Utensílios de cozinha – R$ 2.000,00.
  • Carro Buffet – R$ 1.500,00.

7 – Automação

Um bom gerenciamento de comércio deve ser feito com auxílios de softwares para gestão, economizando e agilizando os processo.

Com um sistema para a automação, você irá obter o reconhecimento de ligações através da BINA, cadastro de produtos, controles de estoque, emissão de NF-e e NFC-e, controle de vendas, relatório de cada funcionário, dentre outras várias funcionalidades.

Você pode saber mais sobre um bom software para a gestão para restaurante a quilo. Clicando aqui!

8 – De acordo com a lei

Existem documentos necessários para se abrir um restaurante self-service.

  • DAS (Documento de Arrecadação do Simples Nacional);
  • Qual o tipo de sociedade e o nome do contrato social;
  • Registrar-se na junta comercial;
  • Inscrição do CNPJ na RF (Receita Federal);
  • Registrar-se na Secretaria da Fazenda;
  • Alvará de Localização;
  • Registrar-se no Sindicato Patronal.

9 – Pronto

Hora de colocar em prática todas as dicas deste artigo.

Crie um planejamento, fale com um consultor, e se tiver alguma dúvida, saiba que estaremos sempre a sua disposição.

Saiba, nada na vida é fácil, mas quando se tem amor e força de vontade, sempre irá dar certo.

Caso desejar um excelente software para gestão de seu restaurante a quilo. entre em contato, e solicite uma demonstração, ficaremos muito feliz em lhe atender.

Receba GRÁTIS um e-Book sobre: Gestão de atendimento. Dicas para alavancar seu Restaurante.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *