Análise de concorrentes: como destacar meu restaurante?

Willian GalvaoRestauranteLeave a Comment

análise de concorrentes

Desenvolver uma estratégia para superar a concorrência é um dos temas mais discutidos nas empresas, principalmente quando se trata do setor gastronômico, que apresenta uma competição acirrada.

Para os consumidores, a concorrência é uma forma de promover variedade de entre produtos semelhantes. O interesse do empreendedor é descobrir como atrair e fidelizar esse cliente, mostrando o porquê o seu produto ou serviço deve ser escolhido.

A análise de concorrentes se torna um passo crucial para o planejamento de qualquer negócio. Pensando nisso, preparamos este post para abordar como fazer uma análise eficaz da concorrência com o objetivo de destacar o seu restaurante. Boa leitura!

O que é análise de concorrentes?

Conforme um dos gurus da estratégia, o autor Michael Porter, a análise da concorrência é um dos cinco pontos mais importantes para estruturar uma vantagem competitiva.

A análise de concorrentes funciona como um termômetro para o negócio. Consiste basicamente em monitorar quais são as forças e fraquezas do concorrente, com o objetivo de oferecer um maior valor agregado em seu produto.

O que deve ser avaliado?

Para analisar o concorrente, é preciso fazer o seguinte questionamento: o que leva o cliente a escolher o outro restaurante? A resposta a essa pergunta é o que chamamos de vantagem competitiva. Isso precisa ser explorado e comunicado corretamente ao consumidor.

Para saber em que o seu negócio se destaca, ou para criar uma vantagem competitiva sustentável, é preciso considerar alguns pontos que serão explicados a seguir.

Levantamento dos concorrentes

O primeiro passo é fazer um levantamento dos concorrentes e conhecer as suas práticas: o que oferecem, as promoções, os preços, a localização, o público-alvo, o atendimento. Esse monitoramento deve ser constante para que o seu negócio esteja sempre à frente no que tange às tendências e novidades.

Localização

Se você ainda não abriu o seu negócio, estude a região primeiro. A escolha da localização é uma das decisões mais fundamentais nesse momento. Isso dependerá do que seu restaurante se propõe a entregar e qual público ele quer atender. Faça um levantamento das empresas que já estão instaladas e que atendem a esse público no local.

Valores – preço e valor agregado

Nesse tópico, precisamos chamar a atenção para um aspecto. Não adianta saber o preço do concorrente e simplesmente cobrar mais barato. É interessante oferecer um produto diferenciado. Assim, você poderá cobrar um valor acima da concorrência, mas que os clientes estarão dispostos a pagar, devido ao valor agregado desse produto.

Um exemplo disso são os lanches gourmet, os restaurantes temáticos e os restaurantes sustentáveis. Deve-se entender que o cliente não paga apenas pelo produto, mas sim pela experiência de frequentar o local — de tirar uma foto e postar nas redes sociais, por exemplo.

Já que tocamos neste assunto, é imprescindível estar presente nas redes sociais. Isso favorece e facilita o acesso, a comunicação e a fidelização dos clientes.

Opinião dos clientes – cliente oculto

A boa e velha técnica de ouvir o cliente ainda é uma das melhores e mais certeiras. A opinião do consumidor traz dados muito relevantes e atuais sobre os motivos que norteiam as suas escolhas.

Você pode utilizar as pesquisas de satisfação ou então usar uma técnica conhecida como cliente oculto. O cliente oculto é uma pessoa que visita um estabelecimento para ver como é a dinâmica do mesmo.

Crie um produto diferenciado

Por fim, após fazer a análise dos pontos destacados, você precisa focar em um produto diferenciado. A ideia aqui é a seguinte: você não quer ser um restaurante comum, e assim voltamos na pergunta do início do post: por que o cliente vai escolher o seu restaurante? Se você apenas repetir as práticas dos concorrentes, não haverá diferenciação.

Para sair desse mercado saturado e altamente competitivo, invista em algo que só o seu negócio pode oferecer ao cliente. Isso pode estar relacionado ao ambiente, ao atendimento, o sabor do produto, a forma como é preparado, programas de fidelização, uma demanda não atendida em sua região, o estilo de música, a vista do local… Enfim, existem várias formas de se tornar único, você só precisa desenvolver a sua e saber comunicar isso ao cliente.

Neste post, tratamos da análise de concorrentes e o que deve ser avaliado para tornar o seu restaurante um negócio de destaque. Você conheceu a importância de monitorar as forças e fraquezas do concorrente e a necessidade de oferecer ao cliente um produto diferenciado. Agora, você está pronto para começar a praticar essa análise e desenvolver a sua vantagem competitiva!

Gostou de aprender a fazer uma análise da concorrência para restaurantes? Então, aproveite a visita e leia o conteúdo “7 Dicas para atrair mais clientes”.

automação de restaurantePowered by Rock Convert

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *